Feeds:
Posts
Comentários

Archive for janeiro \25\-02:00 2010

Retornando aos posts sobre reprodução assistida vou escrever um pouco sobre o que já pesquisei da FIV e como funciona, vou abordar só a parte médica, o lado judicial de todo o processo vou deixar exclusivamente p/ outro momento.

FIV (Fertilização In Vitro)

Normalmente sua indicação é para mulheres que sofrem de problemas de infertilidade (ovulação, trompas ou sem causa aparente) e por esse motivo é um dos tratamentos mais caros, custando a partir de R$ 10.000,00.

Por tudo que andei lendo, esse procedimento pode ser dividido em dois processos: o convencional e o minimamente invasivo, sendo que o último tem custos mais baratos.

Então vou dividir em 2 posts para não ficar muito longo (se isso for mesmo possível). (mais…)

Read Full Post »

Essa semana o trabalho me consumiu e sempre que isso acontece fico pensando nas estruturas familiares e toda a responsabilidade que vem junto, por isso vou dar essa interrompida rápida nos posts sobre os processos de reprodução assistida e dividir com vocês alguns links de vídeo e matérias que me fazem acreditar que todo o sacrifício vale a pena.

No ano passado a história do casal lésbico (Munira e Adriana) que fez uma FIV(fertilização in vitro) no esquema barriga de aluguel, uma gerou o óvulo da outra, ganhou muita visibilidade na mídia e o veículo que deu mais informações sobre o caso foi a Época (revista e site). (mais…)

Read Full Post »

Continuando a série de posts sobre métodos de reprodução hoje vou escrever sobre a inseminação artificial intra-uterina , feita com acompanhamento médico e custos financeiros.

A inseminação artificial caseira abordada no último post tem um custo baixíssimo, referente apenas a compra da seringa (R$ 2,31*) e do frasco ( Coletor Universal R$ 0,62*), imaginando que o doador vai ser generoso e não cobrará pelo esperma, já a inseminação artificial tem uma variação muito grande de valor e normalmente inicia em R$ 2.000,00* por tentativa. (mais…)

Read Full Post »

Começarei uma série informativa sobre métodos de reprodução assistida (?), todas as informações serão uma coletânia das pesquisas que faço na internet para me informar sobre as diversas formas que existem para se engravidar.

Pensando pelo lado legal do Brasil  um casal de lésbicas não teria direito a utilizar os métodos de inseminação artificial e fertilização in vitro (FIV), pois são destinados a casais heterossexuais ou mulheres (ainda que solteiras) com problemas de fertilidade. Então se nenhuma das duas tem problemas de fertilidade não poderia utilizar uma clínica/hospital para recorrerem ao processo, sobrando p/ nós a sorte de encontrarmos um desses locais gay friendly que fazem esses procedimentos interpretando de uma forma diferente o código brasileiro. (mais…)

Read Full Post »

Como nunca precisei me preocupar com uma gravidez indesejada fui levando a vida sem precisar fazer a tão famosa tabelinha, até hoje imagino que meu ciclo é regular porquê vem todo mês, mas não tenho a mínima noção se ele tem 21, 28 ou 30 dias.

Anotar esse tipo de coisa na agenda não é muito meu tipo, ainda mais quando a gente usa somente a agenda no trabalho, então resolvi juntar o agradável ao necessário (as meninas que gostam de tecnologia vão adorar), baixei alguns aplicativos de celular (alguns funcionam em smartphones e no computador também) para fazer meus cálculos automaticamente. (mais…)

Read Full Post »

Older Posts »