Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Impressões pessoais’ Category

Blog inativado!

Este post tem gostinho de despedida, às vezes é preciso se despedir para começar novos caminhos. Faz dois anos e cinco meses que criei o blog e neste período conheci pessoas maravilhosas, vivi experiências ímpares que irei guardar para sempre na memória.

Fico imensamente feliz por saber que o blog ajudou muitas pessoas, cada e-mail que recebi com elogios, dúvidas e depoimentos sempre me deixaram muito feliz, mas não tenho conseguido corresponder da forma como vocês merecem e por isso prefiro encerrar oficialmente as atividades do blog e dos outros meios de comunicação que vocês tinham comigo como o e-mail e o twitter.

Deixarei o blog no ar para que o conteúdo e as trocas de experiências que aconteceram nos comentários ainda sejam aproveitadas por casais ou mulheres que estejam começando na aventura de aumentar sua família.

Não sei informar se esta decisão é definitiva, porém é por tempo indeterminado.

Foi ótimo estar com vocês durante todo este tempo e espero que as nossas famílias continuem crescendo e conquistando o espaço que nos é devido.

Abraços!

Read Full Post »

Minha amiga Thais, do blog Coisa de Menino Nada, resolveu fazer um post sobre utilitários e como eu fui acompanhá-la resolvi unir o útil ao agradável. Já faz um tempo que todo mundo quer uma fatia do mercado LGBTT e aqui e acolá surgem propagandas onde um casal homossexual aparece como consumidor potencial (exemplo aqui), aí pensei: os publicitários estão chamando, ok, mas como as lojas e vendedores estão atendendo o nosso público? (mais…)

Read Full Post »

http://weheartit.com/

Tenho lido e escutado muito uma frase nos últimos tempos e agora ela tem um sentido profundo na minha vida:

“Tão bom morrer de amor! E continuar vivendo.”, Mário Quintana.

(mais…)

Read Full Post »

Linda campanha sobre casamento igualitário.

Read Full Post »

fonte: Rotorhead, Sxc.hu

Outro dia a Patricia colocou uma questão na minha cabeça, porque mesmo sendo homossexual, sempre nos referimos aos nossos filhos como se eles fossem futuros héteros?
Nunca tinha prestado atenção nisto, mas aí fui relembrando e prestando atenção nas situações, nas minhas ações e vi que mais uma vez estava cometendo o mesmo erro.

Há algum tempo atrás (não faz muito tempo), tinha certeza que não queria um filho negro, não por ser racista (sim, existem negros racistas), mas porque alegava não querer vê-lo sofrer todo tipo de preconceito que sofri na infância e ainda sofro de vez enquando agora na fase adulta, achava que tendo um bebê miscigenado ele sofreria menos preconceito, já que aqui no Brasil qualquer “moreninho” já se considera branco; e ainda pesava o fato de que ele seria filho de lésbicas, aí que meu coração ficava mais apertado ainda: negro e filho de lésbicas, seria o pária da escola. (mais…)

Read Full Post »

Nesta última sexta-feira, dia 29/4, fui ao evento Natura Mamãe e Bebê com a Rede Mulher e Mãe, foram convidadas 20 blogueiras da #blogosferamaterna e eu me senti MUITO honrada de ter sido uma delas.

A Rede Mulher e Mãe é um local para as mulheres conversarem assuntos ligados a realidade da maternidade e da vida cotidiana com outras mulheres que também são mães, um lugar onde elas encontram apoio para todos os assuntos, até aqueles que a gente não se sente à vontade para falar com qualquer um.

Já os produtos Mamãe e Bebê da Natura todo mundo conhece e aposto que um dia já presenteou alguma mamãe, usou ou até mesmo sentiu o perfume gostoso de bebê da colônia, mas o que eu não conhecia era a filosofia da empresa e como realmente eles se importam com o vínculo entre a mãe e o bebê (funcionárias, clientes e com o mundo em geral). Me apaixonei pela Natura e também descobri coisas que me fizeram repensar a minha realidade.

Que fique claro: esse não é um post patrocinado, é apenas um post sincero.
(mais…)

Read Full Post »

Poderia passar o dia inteiro vendo os vídeos do It Gets Better Project, é combustível para qualquer luta, porque no final existem mais pessoas boas do que ruins, mas tudo que é ruim se destaca mais e por isso parece maior.

Read Full Post »

Older Posts »